sábado, 5 de junho de 2010

A descoberta do Rui Leal

(por Abílio Hermenegildo)

O 1º Grupo de Combate da 3ª Companhia (o Leal ao centro)

Caros Amigos e Companheiros:
Há algum tempo que ando um pouco afastado do fórum, praticamente desde o passado dia 12 de Maio, altura em que enviei o meu último "trabalho".
Felizmente não foi por estar doente. Apenas e só porque entendi que havia de descobrir o paradeiro do nosso querido amigo e camarada de guerra o Leal.
Primeiro,  como não sabia do nome dele, apenas e só o apelido, coisa que era muito vaga. Mas como a Internet tem também muitas coisas boas, acabei por saber o nome completo do nosso amigo Leal. Ora fixem bem, o nosso amigo Leal chama-se RUI MELO DOS SANTOS LEAL.
Tinham-me dito que havia sido visto em Setúbal e por intermédio do site Lobitanga fiz um pedido a todos lobitangas se me podiam ajudar a descobri o paradeiro do Leal e foi quando começaram a surgir as informações do nosso amigo, ora vejam:

"Às 23:05 em 2 Junho 2010, Serafim Vale disse...
Procuras pelo LEAL...na verdade são 2 irmãos ..o mais velho o Rui encontra-se actualmente em Angola...antiga Cela...tenho o telefone dele , posso dar-to...o irmão vivia em Setúbal. Tem um consultório de dentista.
Um abraço."


"Às 14:58 em 3 Junho 2010, Serafim Vale disse...
..O Rui foi um "grande" ( apesar da estatura ) amigo meu na juventude...e essa amizade perdura até aos dias de hoje...aqui deixo o seu telefone :
002 … …. ….
...de vez em quando contactamos...estou a aguardar que consiga um email para que tudo se torne mais fácil.
Um abraço."
Maio de 1973
A tomarmos uma bela banhoca no rio
(da esquerda para a direita: Almeida, Leal e A. Hermenegildo)
Mas afinal o Leal não tem só 2 irmãos; eles são ao todo 5 irmãos.
Pois bem, estas foram as 2 últimas mensagens que recebi. E hoje sem perda de tempo resolvi telefonar para Angola para o número que me tinham dado. Foi uma festa que vocês nem podem imaginar pois era realmente o nosso amigo Leal que estava no outro lado da linha a milhares de quilómetros de mim. Falei do nosso fórum assim como de toda esta grande família, só que ele infelizmente na zona onde está não tem Internet, pois está há espera e assim que ele tenha ficou de me enviar de imediato um email.

Quartel em Serpa Pinto

Da esquerda para a direita: Dinis, Leal e Valongo

Por outro lado também ficou entusiasmado quando lhe falei dos encontros que fazemos anualmente em Novembro, pois ele esteve o ano passado em Portugal a passar umas férias no mês de Novembro e é claro que não sabia de nada, mas agora quando souber do próximo encontro vai ser mais um lugar à mesa. Bem meus amigos espero que tivessem ficado satisfeitos com a notícia tanto quanto eu.
Um grande e forte abraço para todos
A. Hermenegildo

5 comentários:

Jorge Correia disse...

Abílio,...até fiquei emocionado com a tua descoberta do nosso amigo Leal, que eu julgava ainda morar em Portugal. Como sabes o Leal foi comigo, mais o Figueira e o Gomes dentro do Autobianchi na tal viagem que os levou a Sá da Bandeira para passarem à peluda! Estivemos em casa dele no Lobito onde conhecemos o pai a mãe e os irmãos. Temos que ver se nos encontramos todos em Lisboa ! Abraço.

Luis Marques disse...

Quando o Abílio falou comigo na última sexta-feira (04-06-2010), senti na sua voz uma alegria e uma emoção que nele, individuo por norma calmo e tranquilo, me alertou para qualquer coisa de bom que lhe tinha acontecido. E a resposta veio a seguir: tinha localizado e, melhor ainda, falado com um dos seus grandes amigos dos tempos de Angola, o Rui Leal.
De tal maneiro julgo ter interpretado a sensação do Abílio, que de imediato me dispus a publicar o seu trabalho logo de seguida.
Por outro lado, esta “descoberta” do Rui Leal, também me enche de júbilo, quanto mais não seja – e é – pela certeza que me fica que o Fórum 4611 está a cumprir em pleno o se desígnio de reunir toda a grande família do Batalhão de Caçadores 4611/1972.
Por outro lado quero saudar o Jorge Correia, que lá longe, em São Luis do Maranhão, Brasil, continua a viver de muito perto este nosso blogue. Um abraço para ti, meu caro (para quando novos trabalhos?)

A. Hermenegildo disse...

Quando há tempos falava com o Jorge Correia no MSN (ele deve de recordar-se da nossa conversa) que havia de encontrar o Leal pus mão há obra e não descansei. Podem não acreditar, fui para os correios e passei horas a consultar a lista do distrito de Setúbal, sem chegar a nenhuma conclusão pois não sabia o nome completo do Leal, mas sempre na esperança de que algum nome fizesse acender alguma luz, por fim foi então que estando inserido num site só de malta do Lobito é que me lembrei de fazer um pedido geral e em poucos dias tive a resposta. Mas, Jorge, se tu ficaste emocionado, quando eu tive a certeza de que estava a falar com o Leal imagina como eu não fiquei, não chorei de alegria mas pouco faltou. Falei com o Leal eram umas 11 horas da manhã e estivemos a falar cerca de 20 minutos, quando falei com o Luís Marques há tarde ele bem sentiu a minha alegria quando falei com ele. Quem vai ficar tb satisfeito quando souber é o Alfredo Almeida que fazia parte do trio, penso que ele não é muito dado há Internet, tenho que lhe telefonar por estes dias. Vamos estar atentos para quando o Leal vier a Portugal ter de fazer uma "operação especial".
Um grande abraço

fmoreira disse...

Boa noite pessoal,

Também tenho andado um pouco arredado aqui "do nosso café" por vários motivos pessoais, mas esta correria um dia destes vai parar (espero eu!!).
E isto para vos dizer que o Abílio já por várias vezes tinha falado nas tentativas que andava a fazer para conseguir encontrar o Rui Leal.
E esta descrição até arrepia mas a .net também tem coisas boas e por vezes a perseverança traz-nos destas alegrias. Mais um regresso ao Batalhão!! 1abc

rui disse...

Já fui descoberto!!! Finalmente o Abilio entrou em contacto comigo. Foi uma conversa telefónica muito emocionante para os dois, nós somos amigos dos tempos da guerra mas tem um outro motivo que nos aproxima, é que ambos, antes da tropa viviamos na mesma cidade, (Lobito/Angola) e por isso temos muitas recordações desses tempos e muitos amigos comuns. Neste momento eu estou em Cabo Verde, na cidade da Praia onde penso ficar este ano todo, depois talvez regresse a Angola. O meu endereço é: lealrui2011@gmail.com caso alguém me queira contactar ficarei muito satisfeito. Obrigado por tudo e um Grande Abraço. Rui Leal

BATALHÃO DE CAÇADORES 4611/72

BATALHÃO DE CAÇADORES 4611/72
conduta brava e em tudo distinta