sexta-feira, 15 de maio de 2009

Batalhão de Artilharia 635

(Por Luís Marques)



Hoje de manhã, ao "abrir" a caixa de correio do Fórum 4611, encontrei a mensagem que abaixo reproduzo.
A mensagem vem de França e foi-nos enviada pelo António Gonçalves Martins Pereira, ex- 1º Cabo nº 2297/63, que prestou serviço militar em Angola na C.C.S, do Batalhão de Artilharia 635, no período de Fevereiro de 1964 a Junho de 1966 (bem "velhinho", portanto).
O António Pereira vive em França (43, Rue de la Poste, 01200, Bellegarde, France).

A mensagem é esta:

"Muito obrigado.
Assim começo a minha mensagem.
Hoje mesmo , 44 anos depois, revejo fotos que me mostram por onde eu andei, desde Fevereiro de 1964 até Junho de 1966. Pertenci ao Batalhão de Artilharia 635 da companhia da CCS. Em 1964 estivemos em Zala, mas uma companhia ocupava Vila Pimpa e outra na Bela Vista. Em Janeiro de 1965 estivemos em Ambriz e Ambrizete, ocupando ao mesmo tempo as fazendas mais próximas.
Quero acrescentar que não tenho saudades da guerra, mas sim de muitos amigos, que nunca mais reencontrei.
Aqui deixo neste vosso site mais um pedido para encontrar alguns amigos de outrora. Aqui deixo o meu endereço se não vos incomoda.
antoniopereiragoncalves@sfr.fr
Uma vez mais muito obrigado por tudo e parabéns.
Um abraço a todos os ex-militares em geral.


Não tenho saudades da guerra
Mas sim de tantos amigos meus
Companheiros de uma longa fada
No melhor tempo da nossa mocidade.

Por entre matas e picadas
Tantas vezes imploramos a Deus
Que nos guiasse até á nossa terra
Ali reencontrar a nossa amada
Para uma união de felicidade."

Pessoalmente estou convencido que a publicação desta mensagem no nosso blogue vai ajudar o António Pereira a encontrar os seus antigos camaradas que com ele estiveram em terras angolanas. O nosso blogue parece ter essa vocação. Vejam o que se passou com a família Sousa Lara e com o nosso Fernando Moreira.
Estou também convicto que os nossos "coca-bichinhos", não vão descansar enquanto não localizarem o rasto do Batalhão de Artilharia 635, nessa montra virtual que é a Internet.

Conto com isso e tenho esperança que em breve poderemos anunciar mais um reencontro.

O e-mail do António Preira é:

antoniopereiragoncalves@sfr.fr

20 comentários:

fmoreira disse...

Bart 635 : missão em Angola, 1964-65-66 : [norte de Angola 1964-65-66.
Batalhão de Artilharia 635
Published:
Luanda : Neográfica, [1966?]
Format:
Book
Physical Description:
272 p. : ill. ; 29 cm.

Parece que chegou a ser publicado um livro sobre este batalhão.

António Pereira disse...

Amigo Luís:
desde já os meus parabéns por tudo o que tens feito, para fazer e servir amigos que como tu passaram os melhores momentos da mocidade dispersados por entre matas e picadas, para dar nome a Portugal, numa guerra tão injusta.
A tua atitude e disponiblidade, deixou-me radiante e convicto de que já tenho mais um grande amigo.
Obrigado pela tua atenção e pelo cuidado de ouvir este meu pedido que vai voar pelo mundo inteiro.
Já persenti que és um filho do Minho como eu. Eu sou natural de "belinho" Esposende. Em França
desde Fevereiro de 1969, mas todos os anos visito a nossa terra, agora com mais tempo, passando
quase todo o Verão nesse nosso cantinho português.
Em França resido: António Pereira 43, Rue de la Poste 01200 Bellegarde Sur Valserine.
Estou a 40 Kms. de Genebra (Suiça) e a 120 Kms. de Lyon.
Uma vez mais muito obrigado. Desejo-te felicidades, junto da tua família e amigos. Um abraço:

Ultramar Terraweb disse...

Boa tarde, Caro Armando Baptista Santos
Como subscreveu a nossa mailing list vimos dar conta do seguinte:
Recebemos a mensagem infra de Fernando Moreira do Blogue - http://forum4611.blogspot.com/ - Batalhão de Caçadores 4611, que nos pede o seu contacto, pelo facto de um seu camarada do Batalhão de Artilharia 635 pretender o contactar. Ele reside em França.
Para mais pormenores faça uma visita ao endereço supra referido e ficará a saber quem o procura.
Bons reencontros são os votos da equipa do UTW
Saudações veteranas
Pela equipa do UTW
António Pires
http://ultramar.terraweb.biz

Luis Marques disse...

Meu caro António Pereira,

Muito obrigado pelas tuas amáveis palavras.
É um grande prazer ajudar-te a encontrar os teus antigos camaradas, com quem privaste tempos certamente difíceis, mas que te marcaram indelevelmente e cimentaram em ti, bem como em todos nós, uma forte amizade por todos aqueles com quem de mais perto convivemos.
É um dever de todos nós, antigos militares que estivemos em África, tudo fazer para que o reconhecimento da Nação se faça valer e também para que todos se possam reunir numa fraterna congregação. Se nós, que vivemos e sentimos na carne esses tempos inesquecíveis, o não o fizermos, mais ninguém o fará por nós, pois já constatámos que somos bastante incómodos para a nação, pelos mais variados aspectos.
Entretanto, já deves ter recebido uma mensagem do Fernando Moreira, a dar-te o contacto de um antigo camarada do BART 635, Armando Santos, que parece estar encarregue de contactar os elementos do teu Batalhão que se encontram dispersos ( armando.santos@sapo.pt ), bem como o endereço da vossa associação
Associação Amizade do Batalhão de Artilharia 645 - "Águias Negras"
Av. Combatentes da Grande Guerra, 158
4750 Barcelos
Entra em contacto com eles e certamente serás bem sucedido (até fica bem perto da tua terra Natal).
Quero dizer-te que este Fernando Moreira é um “militar adoptado” pelo Batalhão de Caçadores 4611/72. Ele era filho do proprietário de uma fazenda de afé em Cabinda, a Roça Lucola, onde esteve aquartelada a nossa 3ª Companhia. Tinha ele na altura 12 anos. Ao fim de 34 anos voltou a encontrar-se connosco (podes ficar a par da história toda nas páginas do nosso blogue, que a partir de agora é também teu).

Gostaríamos depois de saber novidades sobre ti e sobre o teu reencontro com os teus antigos camaradas.
Entretanto tomo a liberdade de enviar cópia desta mensagem para amigos nossos, camaradas do Batalhão de Caçadores 4611/72.
Qualquer coisa que necessites não hesite em nos contactar, qualquer um de nós

Um grande abraço

Luís Marques

fmoreira disse...

Não vos sabia minhotos, o meu avô paterno também era minhoto, de uma Aldeia entre Ponte da Barca e Arcos de Valdevez e que se chama Vila Nova de Muia.
Se calhar vocês são capazes de se lembrarem do velho Alves da Padaria de Cabinda, talvez num daqueles regressos nocturnos em que iam ao pão quente depois de uma merengada ao som do "Cabinda Ritmos".

Luís Marques disse...

Não sou minhoto. Sou lisboeta retinto (de Campo de Ourique). Esqueci-me de corrigir esse ponto da mensagem do António Pereira e ficou instalada a confusão.

Romantonio disse...

Sou o antigo Segundo Sargento Romão António da CART 633 do BART 635. Estive colococado em Vila Pimpa de início e depois em Ambrizete até Junho de 66. Gostaria de contactar outros camaradas que partilharam os bons e maus momentos do 635. Deixo o meu contacto de e-mail : ant-roma@hotmail.com . Espero poder reencontrar velhos conhecidos.

Um abraço artilheiro.
Romão António
Sargento Chefe de Art (reforma)

germano santos disse...

Germano santos 1 cabo mecânico BART635 CCS ZALA e Ambríz.Viagei em2011 a Angola, fui ao Ambríz, gostei de fazer esta viagem , vim com uma grande desilusão, mas
Nada arrependido. A nossa bandeira ,(que está na capa do livro do nosso batalhão)ainda lá está pintada com as cores
Angolanas.A fortaleza da 634 muito degradada.
Angola não tem nada a ver com o que conhecemos,para pior.
Abraços a todos os camaradas do 635 e camaradas que
Serviram em Angola.

germano santos disse...

Germano santos 1 cabo mecânico BART635 CCS ZALA e Ambríz.Viagei em2011 a Angola, fui ao Ambríz, gostei de fazer esta viagem , vim com uma grande desilusão, mas
Nada arrependido. A nossa bandeira ,(que está na capa do livro do nosso batalhão)ainda lá está pintada com as cores
Angolanas.A fortaleza da 634 muito degradada.
Angola não tem nada a ver com o que conhecemos,para pior.
Abraços a todos os camaradas do 635 e camaradas que
Serviram em Angola.

germano santos disse...

Germano santos 1 cabo mecânico BART635 CCS ZALA e Ambríz.Viagei em2011 a Angola, fui ao Ambríz, gostei de fazer esta viagem , vim com uma grande desilusão, mas
Nada arrependido. A nossa bandeira ,(que está na capa do livro do nosso batalhão)ainda lá está pintada com as cores
Angolanas.A fortaleza da 634 muito degradada.
Angola não tem nada a ver com o que conhecemos,para pior.
Abraços a todos os camaradas do 635 e camaradas que
Serviram em Angola.

joao vieira disse...

boa tarde
queria saber se alguem conheçe o camarada condotor ribeiro de aveiro mais conhcido por (PIMENTA)
bART635 CMP 633 PUMAS VILA PIMPA,ZALA E Ambrizete

joao vieira disse...

boa tarde
sou o genro do camarada condutor ribeiro (pimenta) estive em vila pimpa zala e lambrizete 64/65/66
Bart 635 companhia 633

um abraço a todos os camaradas

Anónimo disse...

Olá caro António Pereira ,
Sou o 1.º sargento Morais.
obrigado por ter criado este blogue. Quero dizer-lhe que há de facto um livro sobre o Bart 635, oportunamente darei mais notícias,

Um abraço.

Anónimo disse...

Caros colegas de batalhão, votos de um feliz 2013.
Seria agadável um dia de convivio, na zona centro do país para facilitar a deslocação para todos.Também aproveito para deixar o meu contacto:229510552(fixo).
Um abraço do 1.°sargento Morais.

Andreia Santos disse...

Bom dia,
O meu avô também pertenceu a este batalhão e gostaria de retomar contacto com alguns camaradas. É o condutor Miguel Soares Cavalheiro. Ainda reside em Almada. Se alguém o reconhece e quer mais informações podem contactar-me através do email: andreiasoaresantos@gmail.com

Muito obrigada!

Vieira Rio disse...

boa tarde
queria aqui rectificar o nome do meu sogro nao é ribeiro mas sim santos
condutor santos e de AVEIRO
64 a 66 bat 635 pumas teve em VILA PIMPA

tem o livro do batalhão com os nomes dos camaradas até dos que morreram

quer encontrar exs camaradas

obrigado.

Vieira Rio disse...

boa noite

pessoal da 634 o alferes Ramos Silva é cá da terra

Joao Vieira

Antonio Marques disse...

ola amigos do B A R T 635 pertenci au plutoa desapadores da c c s mas esteve adido a632 onde era conhecido pelo Marques < sapadore>se alguen se recorder de mim podeme cotactar o meu imail e marques antonio1942@gmail.com procure um amigo chamadoJoa Dias Afonso era o padeiro da C A R T 632

Carlos Pereira disse...

Meus caros, não andei na guerra pois nasci em 1971. Por questões de curiosidade andava a pesquisar algo sobre o batalão 634 ou 635, pois o meu sogro fala muito nisso. Já agora o meu sogro era clarim e chama-se Duarte Granadeiro.

Abraço a todos

Carlos Pereira

Vieira Rio disse...

o meu sogro tambem andou na 635
santos condutor Aveiro

BATALHÃO DE CAÇADORES 4611/72

BATALHÃO DE CAÇADORES 4611/72
conduta brava e em tudo distinta